Translate this site into your language!

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Cristão acusado de blasfêmia contra Maomé é condenado à morte; Apelo da sentença ainda não foi julgado


Um cristão paquistanês foi condenado à morte por supostamente ter blasfemado contra Maomé, considerado profeta pelos muçulmanos, e agora apela da sentença na Suprema Corte de Lahore, de acordo com a Missão Portas Abertas.

Sawan Masih, 26 anos e pai de três filhos, foi considerado culpado de ofensas a Maomé e sentenciado à morte no último dia 27 de março. O episódio que gerou as acusações foi uma disputa de propriedade entre Masih e um amigo muçulmano.

A repercussão das supostas ofensas ao profeta islâmico geraram protestos populares na cidade de Lahore, a segunda maior do país asiático. “As alegações de blasfêmia contra o Islã são levadas muito a sério no Paquistão, onde 97% da população é muçulmana. Vários casos recentes elevaram a preocupação internacional sobre a aplicação das leis de blasfêmia no país”, afirmou a Portas Abertas em comunicado. “Desde a década de 1990, dezenas de cristãos foram condenados por profanar o Alcorão ou blasfemar contra o profeta Maomé. Enquanto a maioria deles foi condenada à morte pelos tribunais, muitos casos foram derrubados por falta de provas”, acrescenta o documento.

A apelação de Masih foi apresentada à Suprema Corte no último dia 01 de abril, e agora ele aguarda a decisão sobre a sentença. A Portas Abertas destaca que uma acusação de blasfêmia pode ser registrada pelas autoridades com pouca ou nenhuma evidência, o que resulta em muitas falsas denúncias e condenações injustas.

“Ore para que essa situação seja resolvida e Masih consiga provar sua inocência”, pede o comunicado da Missão Portas Abertas.

Fonte: Gospel+

Tags: , , ,

0 Responses to “Cristão acusado de blasfêmia contra Maomé é condenado à morte; Apelo da sentença ainda não foi julgado”

Postar um comentário

Comentários

Compartilhe essa informação!

Inscreva-se aqui

Inscreva-se gratuitamente neste site e receba todas as notícias diretamente em seu email

© 2013 Ieadesi Maranhão. All rights reserved.
Designed by SpicyTricks